Programa F-5EM Tiger II 


Os caças F-5E Tiger II formam a espinha dorsal de nossa Força Aérea. Fabricados pela empresa americana Northrop, foram adquiridas em 1975 no primeiro lote 36 unidades monoplace(F-5E) e 6 unidades do modelo biplace (F-5B) todos novos de fábrica. Anos mais tarde, em 1988, foi feita a aquisição de um segundo lote de 22 caças F-5E e seis F-5F usados do estoque da USAF. As perdas operacionais ao longo destes trinta anos de serviço ininterrupto reduziu a frota para 46 unidades. Ciente da importância do versátil caça para a defesa aérea do país e da necessidade de dotá-lo com um radar e aviônicos mais avançados, para que pudesse melhor cumprir sua missão de superioridade aérea, interdição e ataque ao solo, a FAB iniciou em 2001 um programa de modernização das aeronaves, orçado em US$ 285 milhões, sob responsabilidade da brasileira Embraer em parceria com a israelense Elbit Systems. Em setembro de 2005 foi apresentado ao público o primeiro F-5E Tiger II modernizado, agora designado oficialmente como F-5EM e até o final do ano outros onze estarão operacionais. Pelo cronograma, em 2006 mais dezoito caças entrarão em serviço e por fim, em 2007, os últimos dezesseis F-5M voltarão para seus esquadrões, prontos para voarem no estado da arte por pelo menos mais dez anos. Cada caça será equipado com um avançado radar multimodo italiano FIAR Grifo-F pulso Doppler, com capacidade look-up e look-down e alcance de 60 km, possibilitando a utilização de mísseis ar-ar BVR e bombas inteligentes guiadas por GPS ou laser; dois computadores de missão que recebem e analisam os dados de todos os sensores da aeronave; painel digital com telas de cristal líquido (LCD); sistema HOTAS que reúne os principais comandos no manche e na manete de potência; moderno HUD (Head-UP Display) que permite ao piloto controlar os parâmetros de vôo e de combate sem desviar o olhar do ambiente externo; instrumentos compatíveis com o uso de óculos de visão noturna (NVG); os pilotos poderão contar com capacetes com sistema de mira (HMD - Helmet Mounted Display), modelo Dash da Elbit System; rádios digitais V/UHF Rohde & Schwartz com datalink, garantindo comunicações totalmente seguras; sistema de alerta radar (RWR) da israelense Eslira; sistema de navegação Inertial/GPS Rockwell H-764G a laser e um avançado computador de vôo. Enfim, com a chegada do F-5EM Tiger II a FAB entra em uma nova era, operando um caça com sistemas de última geração, que aliados à sua reconhecida manobrabilidade e diversidade de emprego, permitirá prover uma adequada defesa de nosso espaço aéreo.



Fotos

 

 

 

 

 



Cockpit




Desenho de 3 vistas




Dados técnicos

Origem
Estados Unidos
Velocidade
1.743 km/h (Mach 1,6)
Dimensões
comprimento: 14,1 m / envergadura: 8,1 m / altura: 4,0 m
Peso
11.214 kg (máximo na decolagem)
Alcance
2.480 km (com máximo de combustível)
Motores
2 turbinas GE J85-21A, com potência de 22 KN
Armamento
Mísseis ar-ar BVR, armas inteligentes, foguetes, bombas
convencionais e um canhão de 20mm

Avitop.com



                                 www.militarypower.com.br
                                   eXTReMe Tracker
                       A sua revista de assuntos militares na internet