GSG 9 - Alemanha


Após os trágicos acontecimentos da Olimpíada de Munique, em 1972, quando um grupo de terroristas do Setembro Negro sequestrou atletas israelenses e numa desastrada tentativa de resgate todos foram mortos, sequestradores e reféns, o governo alemão resolveu criar um grupo antiterrorista especializado, integrado à Polícia Federal de Fronteira (PFF), e o denominou Grenzschutzgruppe 9, ou Grupo de Fronteiras 9 (GSG 9). Com seu quartel-general vinculado ao Ministério do Interior alemão, está organizado em quatro grupos de assalto e várias seções especializadas, com um efetivo aproximado de 300 homens.

Todos os membros do GSG 9 devem ser voluntários saídos das fileiras da PFF, que passam por um curso de treinamento de 22 semanas direcionado para o combate ao terrorismo. As primeiras treze semanas são dedicadas a atividades policiais, questões legais, adestramento com armas e artes marciais. A segunda parte engloba uma análise detalhada dos movimentos terroristas, combinada com o desenvolvimento de habilidades individuais. O treinamento é feito em locais diferentes, como convém a uma força que nem sempre sabe onde será chamada a agir e devido ao seu rigor a taxa de desistência chega a 80% dos incritos.

A arma básica usada pelos membros do GSG 9 é a submetralhadora Heckler & Koch MP-5, calibre 9 mm, equipada com silenciador. Todos os soldados levam uma pistola, normalmente a P7 PSP, de 9 mm, também fabricada pela HK, que tem um dispositivo exclusivo: só dispara quando está sendo empunhada ou a pistola Glock austríaca. Para snipers estão disponíveis rifles Steyr, PSG-1 ou HK G3. O uniforme de combate é a farda padrão da PFF, verde com boina na mesma cor. Em ação usam capacete padrão dos paraquedistas ou de kevlar com viseira, coletes e escudos à prova de balas, equipamentos de comunicação e visão noturna. O grupo teve seu batismo de fogo em 1977, em Mogadíscio, capital da Somália, quando um comando GSG com 27 homens tomou de assalto um avião da Lufthansa seqüestrado pelos terroristas da Fração do Exército Vermelho e libertou os cem reféns praticamente ilesos. O GSG 9 fora testado e correspondera.





                                   www.militarypower.com.br                                   eXTReMe Tracker
                       A sua revista de assuntos militares na internet