Special Air Services (SAS) - Grã-Bretanha


Criado no início da II Guerra, com o nome de 1º Regimento dos Serviços Aéreos Especiais, com dotação de 390 homens, esteve na campanha do deserto, na Itália e no noroeste da Europa, onde firmaram a sua reputação. Atuou também na Malásia (1952), em Omã (1958), na Irlanda do Norte (1969) e nas Malvinas (1982). Todas essas campanhas tornaram os SAS imbatíveis em ações antiguerrilha e antiterroristas, onde desenvolveram técnicas de combate que mais tarde seriam copiadas por forças especiais em todo o mundo.

Atualmente há três regimentos de 600 a 700 homens cada, selecionados entre voluntários de outras unidades do Exército inglês. Estes passam por um curso, na base do regimento em Hereford, que define se os candidatos têm capacidade de recuperação mental, boas condições físicas e autodisciplina. O processo começa com uma marcha solitária pela floresta, culminando com uma marcha forçada de 24 horas por 64 km e com uma mochila de 25 kg. Os que não desistem passam para um treinamento especializado de quatorze semanas, que inclui pára-quedismo, técnicas de combate e sobrevivência. A partir daí, já como membros do SAS, aprendem línguas, medicina de emergência, demolição, tiro de precisão, entre outros. Somente 20% dos candidatos chegam até o fim, pois exige-se uma combinação rara de talentos que só pode ser encontrada em poucas pessoas.

O SAS usa as armas normais do Exército inglês, como a pistola Browning de 9 mm e a metralhadora de uso geral (GPMG) de 7.62 mm, mas seus componentes são treinados para usar praticamente qualquer tipo de arma estrangeira, seja para aproveitar alguma qualidade especial ou para tirar proveito das armas que lhes caiam nas mãos durante uma batalha. O uniforme também é o padrão do Exército, com alguns detalhes que os distinguem dos demais: a boina cor de areia, a insígnia da boina ( uma adaga alada com a frase em inglês "Quem ousa vence") e as letras "SAS" orladas por asas, no ombro direito. Para missões antiterroristas, há um uniforme todo preto.




                                   www.militarypower.com.br                                   eXTReMe Tracker
                       A sua revista de assuntos militares na internet